sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

Guia do improviso.


Situação difícil é aquela que não esperamos, acontece do nada. quem acampa esta sujeito a tudo isso. Quem nunca teve que sair no meio da chuva para reforçar as amarras e bater mais um pouco os esquepes que atire a primeira pedra.
Na hora mesmo não tem muito o que fazer, faz logo o que der na telha. Porém de uma lida nesse manual do improviso que eu fiz e uso para mim.
  • Com chuva e vento forte se aproximando: Estique os tirantes corretamente, não os deixando frouxos e nem muito apertados para não correr o risco de rasgar a barraca. Esses ajudaram a barraca a se manter firme e forte alem do sobreteto não encostar teto da sua barraca.
  • Verifique se os espeques estão bem colocados e se não estão faltando em nenhum lugar, de nada adianta ter três bem colocado e um lado da barraca esquecer.
  • Com coberturas de lonas de preferência para amarrar com fitas de borracha, elas impedem que os trancos dado pelo vento rasguem a lona.
  • Para que não fique se molhando a noite todo caso a barraca rasgue no meio da chuva, tenha sempre contigo um rolo de silver tape, essas fitas são bem grossas, servem muito bem para impermeabilização. Caem como uma luva no improviso.
  • Se a vareta de sustentação da barraca rachou, o silver tape pode ajudar por alguns dias, o ideal é ter uma conjunto de varetas novas sobrando. (Eu tb não tenho, mas que seria ideal seria...)
  • Verifique que perto do local aonde está acampando não há nada que com o vento possa voar sobre sua barraca e causar um belo estrago, tipo uma lata de lixo vazia.
  • Acredito na sua intuição. Não faça algo que acha que não dará certo só porque os outras pessoas lhe disseram que vai dar certo. Tome muito cuidado, tem muita gente perdida nos campings que caíram de para quedas.
Lembre-se que todas os improvisos são improvisos, nada de ficar acampando com aquele silver tape para o resto da vida. Ao voltar do acampamento faça a manutenção correta, ou leve para quem a fará. Isso evitará mais surpresas na sua próxima jornada.

Update: (25/02) André Zancanaro me corrigiu numa falha quase imperdoável. O correto é "espeques" e não "esquepes".

2 comentários:

  1. Fala xará, só um toque, não é esquepe e sim espeque.

    Abração.

    ResponderExcluir
  2. Valew xará, passou despercebido.

    Abraços e valew pela visita.

    ResponderExcluir